O USO DE UM BLOG PARA A CONSTRUÇÃO DO CONHECIMENTO DE MARKETING. UM ESTUDO DE CASO

Resumo
Este artigo tem a finalidade de demonstrar e analisar à evolução da tecnologia, na sua utilização no processo educativo, através da mídia impressa e mídia computador nas ferramenta de um data show, de blog e ainda matéria em revistas especializadas para o ensino da disciplina de Marketing buscando verificar, se usando a tecnologia, através destas mídias e destas ferramentas aumentam significativamente a aprendizagem da disciplina de Marketing.

Palavras chave: Marketing; Uso do blog; Processo educativo.

 1 Introdução

         O ambiente em que vivemos está em uma constante transformação. A entrada dos computadores e a internet fazem com que diariamente milhares de pessoas troquem informações em qualquer parte do mundo de forma instantânea. Estas tecnologias fazem parte da vida de nossos educandos, por isso buscamos integrar os alunos, e nossas escolas com o meio digital, fazendo com que os alunos sintam-se parte construtora do conhecimento, através da participação efetiva neste processo.  A ideia da construção de um blog interativo onde as informações serão postadas pelos alunos, demonstra a possibilidade dos mesmos serem sujeitos ativos na construção do conhecimento, possibilitando a criatividade, a interação, a pesquisa  auxiliando numa aprendizagem efetiva.

Este artigo traz referência à busca pela melhora no processo educativo, através da criação de um blog e o aumento do rendimento na disciplina de Marketing para a etapa 2 do curso Técnico em Administração do Instituto Estadual de Educação Dinarte Ribeiro.

No processo educativo os jovens precisam se sentir, parte na construção dos conhecimentos. Este, novo perfil de estudantes, na sua grande maioria, vive, diariamente conectado á internet e se utiliza, diariamente de redes sociais. O uso das mídias, da tecnologia em sala de aula faz com que os alunos participem de forma criativa, possibilitando a autonomia na aprendizagem, usando uma nova ferramenta que atrai a atenção desses jovens.

Estas mudanças fazem também com que o professor se reinvente quanto educador, nas suas relações profissionais com os colegas, com a escola e com a comunidade escolar, pois as práticas pedagógicas utilizadas por várias décadas como a convencional sala de aula com quadro e giz dão lugar à utilização de novas tecnologias e o uso de novas mídias.

Esta atividade visou a integração dos alunos com a realidade mostrando a relevância da interação com ambiente em que os mesmos fazem parte conhecendo a realidade e preparando-os para a concorrência, pois após a conclusão do curso técnico os alunos devem estar preparados com a nova realidade do mercado de trabalho onde há uma,  instantaneidade das informações e os mesmos devem buscar uma,  qualificação continuada, onde este profissional precisa ter a formação escolar  e as informações sobre a sua realidade para manterem-se no mercado.

Nesta nova era nossos alunos não estão mais presos a poucos livros didáticos, ou apenas aos meios convencionais. Os educadores precisam despertar o interesse, buscando motiva-los para o processo de aprendizagem e para isso precisamos nos adequar a nova era. Nesta era da informação onde as novas tecnologias, fazem com que diariamente milhares de jovens passem horas em frente a computadores navegando na Internet. E os professores precisam melhorar este processo, estando preparados para estas mudanças, que já vem ocorrendo ao longo do tempo, mas que muitos ainda se deparam com muita dificuldade pois, estão presos a velhos conceitos e muitas vezes têm medo de buscar o novo. O educador precisa se adequar a esta nova realidade afim de melhorar o processo educativo, aumentando o interesse do aluno diminuindo, assim, a evasão escolar. (MADEIRO,2012)

 

1.1 O Uso das Mídias

As mídias começaram a ser incorporadas nas salas de aula com muitos temores entre vários professores, pois acreditavam que estas ferramentas poderiam substituí-los ao longo do tempo. O tempo foi passando e os professores começaram a ver que as mídias podem e devem ser utilizadas para auxiliar na construção do conhecimento.

O educador não pode mais se esconder atrás do quadro, e giz e ignorar as mudanças tecnológicas. As mídias impressa,  informática, rádio, tv e vídeo podem, e devem ser utilizadas na construção do conhecimento, trazendo dinamismo e pró atividade no processo educativo.

Através destas mídias podemos nos utilizar de várias ferramentas que engrandecem o processo de ensino aprendizagem fazendo com que nossos educandos se tornem partes autoras na construção do conhecimento trazendo a motivação tanto a alunos quanto a professores.

O uso de novas mídias no processo educativo fez com que essas novas tecnologias se tornassem peça, importantes na construção do conhecimento fazendo com que o professor se utilize destas ferramentas afim de auxiliar seus alunos no processo de ensino aprendizagem. “Nesse sentido, é necessário que o professor tenha abertura e flexibilidade para relativizar a sua prática e as estratégias pedagógicas, com vistas a propiciar ao aluno a reconstrução do conhecimento”  (PRADO,2012,p.4), pois o professor deve estar preparado e atualizado para este uso.

A partir da explosão tecnológica,  o computador, este novo elemento que faz parte da nova realidade, além da internet, que hoje é utilizada mundialmente, proporciona programas que facilitam o processo educativo como o Excel para a realização de planilhas, se utilizando de comandos que fórmulas que melhoram e facilitam cálculos e a criação de gráficos, o Word para a digitação de textos facilitando a formatação, informando eventuais erros de escrita e o PowerPoint para a realização de apresentações facilitando e melhor demonstrando resultados obtidos, sendo necessária para a sua melhor disposição o uso do data show quando esta for, para um número maior de ouvintes.

A internet se transformou numa ferramenta em que os alunos se apropriaram, pois hoje é difícil conhecermos um aluno que não acesse seu e-mail,  ou uma rede social ou ainda que não se utilize desta ferramenta para a produção escolar.

Apesar das grandes dificuldades em nossas escolas estaduais como a falta de equipamentos em nossos laboratórios, ou defasagem dos mesmos, a falta de condições físicas onde muitas vezes não possuímos um computador por aluno ou ainda materiais como vídeo, rádio, data show em quantidade inadequada para o número de alunos que atendemos em nossas escolas não podem ser fatores desmotivadores aos educadores.

Devemos a medida do possível, utiliza-los e fazer com que as mídias transformem-se em  realidade diária em nossas salas de aula, mas, para isso é necessária a capacitação dos educadores com relação ao uso das mídias, pois os mesmos devem conhecer a aplicabilidade, buscando extrair ao máximo as possibilidades de aprendizagem e as ferramentas disponíveis para um melhor processo educativo.

O professor deve ser um mediador no processo de construção e transformação de novos saberes e informações, mediante o auxílio criativo e crítico para a busca e seleção das inúmeras informações existentes na internet que faz com que a,  aprendizagem se faça mais significativa no momento em que o aluno,  percebe a utilidade e aplicação daquilo que aprende.

Portanto, a internet e seus hipertextos, com sua forma aberta e não linear e não sequencial, permitem a autonomia do leitor para a criação do seu conhecimento.( MARCUSCHI,2001)

A Informática Educativa traz, um duplo sentido na medida em que o aluno aprende interagindo com a máquina e utilizando esses novos conhecimentos para fazer intervenções cada vez mais complexas, podendo buscar informações sobre qualquer coisa, em qualquer parte do mundo podendo discernir sobre o que acredita ser o mais importante, preocupando-se sempre com a veracidade e autenticidades das páginas visitadas e dos autores citados.

O novo processo de ensino aprendizagem demonstra que os alunos precisam interagir, e as mídias auxiliam, muito neste processo. Os autores Freire e Prado falam que o aluno aprende-fazendo, aplicando aquilo que sabe e buscando novas compreensões com significado para aquilo que está produzindo. (Freire & Prado, 1999).

Demonstrando a importância do desenvolvimento de novas habilidades como a pró-atividade, a criatividade que, no momento que nos utilizamos das mídias em sala de aula, nossos alunos sentem-se parte do processo educativo aumentando o aprendizado, e este se torna mais significativo.

Foram utilizadas neste trabalho, o uso de duas mídias, a impressa e a informática. A mídia impressa tendo como ferramenta as revistas Você SA, Fecomércio RS e Revista Sebrae, revistas estas especificas na área de Administração e a mídia informática com as ferramentas data show onde realizamos as apresentações e ainda através da internet a criação do blog.

 

1.2 O Uso do blog no processo educativo

O blog por ser um recurso que permite que a produção, a publicação e a interação entre o escritor e o público leitor em um único espaço, trazendo dinamismo ao ambiente, possibilitando a inserção de inúmeros recursos, os quais são capazes de torná-lo mais atrativo e dinâmico podendo ser criado sem custos e por qualquer usuário da internet.

Nos blog vários assuntos são discutidos sendo respeitada a opinião tanto do escritor como a do leitor, valorizando a reciprocidade e a troca de informações para a construção de um novo conhecimento.

O blog é um espaço que permite, postagens de arquivos em áudio, vídeos, imagens e ainda, a alteração de seu modelo são alguns exemplos que podem auxiliar na caracterização desse ambiente virtual estabelecendo, inclusive, a sua forma.

Por isso, criar um blog é muito fácil e rápido, pois não exige conhecimentos profundos de informática, nem instalação de programas para a publicação e atualização, além de ser possível encontrar na Web inúmeros serviços gratuitos que permitem a publicação dessa nova maneira de se publicar registros e compartilhar. (GOMES,2012)

A partir da escolha do assunto a ser trabalhado, do planejamento prévio, o educador pode se utilizar da ferramenta blog, para a criação de um local para a discussão de assuntos pertinentes as disciplinas escolares através da  orientação do educador junto ao educando afim de  tirar o maior proveito desta tecnologia.

O educador precisa  auxiliar seus alunos para extraírem todas as vantagens da utilização de um blog e da internet. Assim o educador precisa manter a atenção dos alunos na disciplina pois a internet assim como é facilitadora , pode através da sua diversidade de informações, fazer com que o aluno entre em outros sites, blogs ou redes sociais perdendo assim o enfoque na disciplina a ser estudada.

 

1.3 A Importância do Marketing

Para a conclusão do curso técnico em Administração os alunos precisam realizar as disciplinas de Planejamento de Marketing e Marketing. O autor (KOTLER,1998, p.27),  define  o marketing como, “ um processo gerencial pelo qual indivíduos e grupos obtêm o que necessitam e desejam através da criação oferta e troca de produtos de valor com os outros”.

A escolha da disciplina de Marketing é devido à sua importância tanto na escola como na preparação de nossos alunos para a realidade e a concorrência  acirrada no mercado de trabalho. O Marketing é uma disciplina que diariamente têm novidades pois a cada dia novos produtos são criados, pois o mercado consumidor potencial compartilham de uma necessidade ou desejo específico dispostos a fazer uma troca que satisfaça essas necessidades ou desejos.

O estudo sobre o consumo demonstra que as pessoas  adquirem produtos por possuírem necessidades, ou por estes  atiçarem seu desejo para consumir, ou seja o trabalho do marketing  é a criação e a satisfação dos desejos de consumo, fazendo com que os consumidores sintam-se atraídos por novos produtos ou serviços.

 

KOTLER (1998, p. 37) diz que

o marketing assume que a chave para atingir as metas organizacionais consiste em ser mais eficaz que os concorrentes para integrar as atividades de marketing , satisfazendo , assim, as necessidades e desejos dos mercados-alvos.

 

O Marketing, portanto, estuda as maneiras para que uma empresa consiga trabalhar com uma maior eficiência e eficácia que os seus concorrentes de forma a satisfazer os mercados consumidores, atendendo a demanda de desejos e necessidades.

As ferramentas que o marketing se utiliza para a disseminação das informações sobre os produtos e serviços normalmente são os meios de comunicação, pois estes conseguem chegar a um grande número de consumidores e consumidores em potencial.

Os meios de comunicação, seja televisão, ou, internet nos mostram produtos, serviços que atiçam o nosso desejo. Em poucos anos atrás, poucas pessoas detinham computadores em casa, muito menos internet ou telefone celular. Hoje, através de um marketing bastante agressivo, podemos notar que muitos de nós não conseguimos viver sem estas tecnologias e este avanço tecnológico também é considerado um avanço no consumismo mundial.

A obtenção de um maior conhecimento sobre esta disciplina através do blog se faz muito necessária  pois  através desta ferramenta poderemos estar sempre conectados com as mudanças de mercados consumidores. O profissional precisa estar conectado ao mundo, com as novidades, novos produtos e serviços.

 

1.4 Tipo de pesquisa

Existem vários tipos de pesquisa,  mas quando buscamos trazer a realidade prática no desenvolvimento das atividades nos utilizamos da pesquisa ação, pois este tipo de pesquisa busca através da  realidade prática observar se realmente aquilo que foi visto na teoria é efetivamente aplicado. Este tipo de pesquisa pode ser aplicada dentro e fora das salas de aula.

O autor GEIGEL (2012, p.2) define a pesquisa ação como:

A pesquisa-ação é um tipo de pesquisa participante engajada, em

oposição à pesquisa tradicional, que é considerada como “independente”, “no-reativa” e “objetiva”. Como o próprio nome já diz, a pesquisa-ação procura unir a pesquisa à ação ou prática , isto é, desenvolver o conhecimento e a compreensão como parte da prática. É, portanto, uma maneira de se fazer pesquisa em situações em que também se é uma pessoa da prática e se deseja melhorar a compreensão desta.

Esta pesquisa mostrou na prática como o uso das mídias, pode auxiliar no desenvolvimento e no aumento significativo do conhecimento sobre Marketing, pois através desta, colocamos os alunos, através da interação social, em contato direto com todos os que estão envolvidos como: as pessoas, as tarefas e os procedimentos.

Através deste tipo de ação os alunos conseguem de forma pró ativa construir  o conhecimento de forma dinâmica, fazendo com que os mesmos não aprendam apenas o que já foi dito por outros autores, mas consigam de forma construtiva se tornarem autores do seu próprio conhecimento, vendo na prática.

O autor GEIGEL (2012,p.183) reafirma o compromisso da pesquisa ação com a prática  e a importância do seu uso dentro das salas de aula na citação abaixo:

A pesquisa-ação se aproxima mais deste segundo modo de ver a

natureza da pesquisa. Se, de acordo com ela, os conhecimentos científicos são provisórios e dependentes do contexto histórico, os professores, como homens e mulheres da prática educacional, ao invés de serem apenas os consumidores da pesquisa realizada por outros, deveriam transformar suas próprias salas de aula em objetos de pesquisa. Neste contexto, a pesquisa-ação é o instrumento

ideal para uma pesquisa relacionada à prática.

Demonstrando o papel do professor como mediador e responsável pela construção do conhecimento, sendo a sala de aula o lugar ideal para a realização das pesquisas de forma quantitativa considerando  que tudo pode ser quantificável, o que significa traduzir em números opiniões e informações para classificá-los e analisá-los, utilizando de recursos e de técnicas estatísticas para a apuração dos resultados.

2. Metodologia

Ao desenvolvermos a atividade foi realizada uma pesquisa ação quantitativa onde foram utilizadas duas mídias: a mídia impressa, tendo como ferramenta revistas específicas na área e também a mídia informática com a ferramenta data show através do programa PowerPoint, para uma maior explanação do artigo e, posteriormente a internet para a criação do blog.

          Foram utilizados a sala de aula para a realização da primeira etapa onde os alunos em duplas fizeram um resumo sobre as principais ideias dos artigos pré determinados, específicos na área de marketing das revistas Você SA, Fecomércio RS e Revista Sebrae.

A escolha prévia foi feita por dez artigos com assuntos atuais, práticas utilizadas nas empresas, novidades, informações relevantes na área, novos produtos, serviços  sendo eles todos direcionados a disciplina do Marketing.

Em casa os alunos realizaram a atividade de criação de um documento em PowerPoint, onde havia uma explanação do resumo dos artigos pré-definidos, onde os mesmos explanaram sobre suas concepções, percepções, conhecimentos adquiridos, curiosidades e dúvidas sobre os assuntos.

No segundo momento os alunos foram para o salão nobre da Escola para explanar sobre o que entenderam, sobre o seu resumo com o auxílio do equipamento data show, visando uma melhor visualização, uma vez que realizaram suas apresentações orais para toda a turma com o auxílio  das apresentações feitas através  do programa PowerPoint, programa este que facilita e torna dinâmica e interativa toda a explanação.

No terceiro momento fomos para os laboratórios de informática, onde em duplas os alunos do Instituto Estadual de Educação Dinarte Ribeiro começaram  a construção do blog sobre Marketing.

Após a realização da atividade os alunos foram convidados a responderem um questionário fechado, ou seja, um questionário onde as perguntas estão previamente com as alternativas estabelecidas, de forma quantitativa, ou seja, a análise dos dados pode ser feita através de estatísticas, sobre a sua avaliação da atividade, sendo uma população de dez alunos que responderam ao questionário determinado.

Na próxima etapa os alunos responderam a uma avaliação com relação ao conhecimento adquirido através do blog. Neste questionário foi perguntado sobre o perfil dos alunos que frequentam o curso técnico afim,  de conhecer  idade e a freqüência que os alunos se utilizam da internet, e ainda a relação que os mesmos acreditam existir entre a informática e o mercado de trabalho.

A importância do questionamento destas  variáveis é devido à suas influências e que podem interferir no resultado da pesquisa, pois precisamos conhecer o perfil de nossos alunos para analisar a adequação do uso das mídias.

  • Resultados e discussão

Através da aplicação do projeto em todas as suas etapas obtivemos os seguintes resultados:

 

  • Perfil dos alunos e o uso da informática

Para definirmos o perfil dos alunos começamos com a idade dos alunos do curso Técnico em Administração Etapa Dois do Instituto Educacional Dinarte Ribeiro prevalece a idade de 26 a 30 anos com 50% dos alunos entrevistados sendo 40% com idade entre 18 anos a 25 anos  e 10% com idade de 31 a 40 anos.

Através desta diversidade de idades podemos notar que possuímos a maioria de alunos com idade entre 26 a 30 anos ou seja, a maioria já se encontra no mercado de trabalho e buscam neste curso uma maior qualificação para o mercado de trabalho.

Quando questionados sobre a frequência que se utilizam computadores e a Internet 90% dos alunos se utilizam na Internet cinco vezes na semana e 10% utilizam a Internet diariamente.

Mostrando assim que o uso da mídia informática é uma realidade para os alunos, podendo os educadores se utilizarem da mesma em sala de aula pois esta já faz parte da realidade dos alunos, sendo  uma realidade no dia a dia dos alunos onde muitos comentaram que no trabalho e na casa se utilizam de computadores e principalmente da internet.

Quando questionados sobre o uso dos computadores, da informática, para o mercado de trabalho 100% dos alunos questionados se sentem preparados para utilizar os computadores dentro das empresas. Mostrando assim a importância de ensinar esta mídia dentro da sala de aula tanto para a disseminação de conhecimento teórico-prático como a preparação para o mercado de trabalho.

 

3.2 O uso das mídias na sala de aula 

Quanto ao questionamento sobre a utilização das mídias na sala de aula 100% dos alunos acreditam que estas ferramentas aumentam o aproveitamento escolar, prendem a atenção e desenvolvem a criatividade e a pró atividade, pois eles mesmos realizam as atividades, através de um planejamento e uma orientação pré determinada do educador onde o mesmo é responsável por orientar o passo a passo a fim de manter o foco na atividade sugerida.

Quanto a avaliação da atividade da criação da resenha critica das matérias da revista Você SA, Sebrae, Fecomércio RS, e o uso do Power point  100% dos alunos acreditaram que foi muito boa porque obtiveram um maior conhecimento sobre o que estava sendo estudado, de forma diferente das experiências normais de aprendizagem, nas salas de aulas convencionais.

O material atualizado é um diferencial no processo educativo. Mostrando assim que o interesse, dos alunos, nas aulas, aumentam muito quando nos utilizamos de material atualizado, adequado e diferente pois atiça a curiosidade e desenvolve a criatividade dos mesmos.

Com relação à avaliação,  da construção do blog, para o aumento do seu conhecimento, na disciplina de marketing, 100% dos alunos avaliaram a  atividade muito boa porque obtiveram um maior conhecimento sobre o que estava sendo estudado.

Esta pesquisa demonstra  que o uso de mídias,  prende mais a atenção dos alunos, desenvolvendo o espírito pró ativo, pois estes educandos sentem-se parte construtora do conhecimento mostrando a importância da inovação de nossas aulas visando um maior rendimento em sala de aula e no desenvolvimento das atividades propostas.

Demonstrou também, que os alunos sentem a necessidade do conhecimento destas tecnologias não só no processo de aprendizagem quanto sala de aula, mas também para a vivência no mercado de trabalho, uma vez que a maioria maciça das empresas se utilizam de computadores ou programas ou ainda da internet, sendo o conhecimento destas  ferramentas necessárias para um bom desempenho profissional.

 

4 Conclusões

O uso de diferentes mídias na escola tornou-se o caminho para promover mudanças de atitudes e de metodologias de trabalho, pois o professor precisa  se especializar  para melhorar sua didática, porque hoje,  apenas o giz e o quadro não suprem as expectativas dos alunos, que estão cada dia mais exigentes.

Através de muita informação entre os educadores e diversas variáveis como: a  capacitação para o uso adequado das mídias,  condições físicas  em nossas escolas como o número de laboratórios de informática e de computadores e a disponibilidade de  equipamentos como datashow, máquinas para a impressão de material são variáveis para o processo adequado do uso das mídias, pois não adianta o professor planejar a utilização destas mídias se a escola não possui a disponibilidade de equipamentos

Por isso, é importante o planejamento,  dos educadores para o uso destas no processo educativo permitindo uma  gestão participativa no processo onde os alunos sintam-se parte integrante do processo. Estes alunos que além de buscar aptidão e formação escolar, buscam obter conhecimento visando uma posição melhor no mercado de trabalho.

Ao realizar a pesquisa ação com o uso das mídias o grau de aproveitamento dos alunos junto a aula foi  maior, onde os alunos agregaram conhecimento sobre a disciplina e tiveram um maior aproveitamento se comparássemos com uma aula convencional, pois as mídias prendem a atenção dos alunos, fazendo com que os mesmos obtivessem um maior  conhecimento sobre a disciplina de marketing  de forma criativa e construtora do conhecimento.

Atividades diferentes, às do cotidiano escolar,  fazem com que os educandos possam desenvolver a sua criatividade, se sentindo mais pró-ativos, sendo os próprios alunos autores do seu conhecimento, através de uma metodologia dinâmica.

Hoje, existe um novo perfil de aluno, onde os mesmos estudam e trabalham e a tecnologia está presente diariamente na vida destes estudantes. Seja no trabalho , nas redes sociais, seja na comunicação através da troca de e-mails ou apenas para o entretenimento.

Este  novo perfil, mostra também que eles  estão sedentos por tecnologia dentro das salas de aula, e não veem dificuldades na utilização destes recursos pois já  se utilizam dos computadores e da internet diariamente nas suas casas e também nos locais de trabalho, onde as empresas se utilizam com programas próprios para os controles internos.

Hoje o mercado de trabalho não admite pessoas que não tenham o conhecimento sobre computadores, pois eles auxiliam nos processos dentro das empresas e também na troca de informações e na busca constante pelo conhecimento.

Verificou-se então que o uso das mídias na sala de aula são muito importantes na construção do conhecimento. O educador precisa planejar e as mídias além de proporcionar a pró atividade dos educandos, traz muitos benefícios como a interação, o melhor uso do tempo, a criatividade, a curiosidade, a busca pelo novo  entre outros. O uso das mídias são necessária pois estamos preparando alunos não só para concluírem o curso, mas também, para o mercado de trabalho e para a vida e as novas tecnologias são uma realidade mundial.

 

5 Referências

-FREIRE, F.M.P. & PRADO, M.E.B.B. Projeto Pedagógico: Pano de fundo para escolha de um software educacional. In: J.A.  Valente (org.) O computador na Sociedade do Conhecimento. Campinas, SP: UNICAMP-NIED, 1999;

 

-- GEIGEL, Guido Irineu . Pesquisa-ação. Disponível em: <http://www.educaremrevista.ufpr.br/arquivos_16/irineu_engel.pdfHYPERLINK “http://www.educaremrevista.ufpr.br/arquivos_16/irineu_engel.pdf.”. >Data de acesso 23/06/2012;

 

- GOMES, Maria João,  Blogs um Recurso e uma Estratégia Pedagógica,

Site: http://arrobainfoeduc.blogspot.com.br/2007/01/blog-como-ferramenta-pedaggica.html, visitado em 4 de maio de 2012;

 

- KOTLER, Philip. Administração de Marketing: Análise, Planejamento, Implantação e Controle. 5. ed. São Paulo: Atlas, 1998;

 

- MADEIRO, Eraldo Pereira. O Papel do Gestor escola para a motivação do aluno e do professor . Disponível em:

<http://www.artigonal.com/educacao-online-artigos/o-papel-do-gestor-escolar-na-motivacao-do-aluno-e-do-professor-3351283.htmlHYPERLINK “http://www.artigonal.com/educacao-online-artigos/o-papel-do-gestor-escolar-na-motivacao-do-aluno-e-do-professor-3351283.html.”. > Data de acesso: 22/06/2012;

 

- MARCUSCHI, Luiz Antônio  O hipertexto como um novo espaço de escrita em sala de aula , pela Universidade Federal de Pernambuco, Linguagem & Ensino, Vol. 4, No. 1, 2001 (79-111);

 

- PRADO, Maria Elizabette Brisola Brito. Pedagogia de Projetos. Disponível em: <http://www.eadconsultoria.com.br/matapoio/biblioteca/textos_pdf/texto18.pdf>. Data de acesso: 20/06/2012.

Para citar este artículo puede utilizar el siguiente formato:
de Oliveira, Luciane y Zaffalon Ferreira, Fabiana: "O uso de um blog para a construção do conhecimento de marketing. Um estudo de caso" en Atlante. Cuadernos de Educación y Desarrollo, noviembre 2014, en http://atlante.eumed.net/blog-marketing/

Atlante. Cuadernos de Educación y Desarrollo es una revista académica, editada y mantenida por el Grupo eumednet de la Universidad de Málaga.